Abertas as inscrições para o Prêmio Mutua/Anprotec 2018

Abertas as inscrições para o Prêmio Mutua/Anprotec 2018

Por CREA-RN em 24/07/2018 às 11:38

Chegando este ano à sua terceira edição, o Prêmio Mútua/Anprotec de Inovação e Empreendedorismo consolida a parceria entre as duas instituições. A Mútua – Caixa de Assistência dos Profissionais do Crea, atuando como o braço assistencial dos profissionais da área tecnológica na oferta de benefícios e prestações assistenciais, e a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec), que fomenta a criação e no desenvolvimento de novas ideias, visam, com a iniciativa, dar oportunidade aos profissionais e aos estudantes dos cursos reconhecidos pelo Sistema Confea/Crea e Mútua.

O foco do Prêmio está relacionado a propostas que resultem em negócios, através da seleção de projetos voltados a processos, produtos e serviços inovadores, para serem identificadas como iniciativas passíveis de apoio.

Veja aqui o regulamento do Prêmio Mutua/Anprotec 2018

Inscrições de 20 de maio a 20 de julho
A partir do dia 20 deste mês, os interessados em participar já podem encaminhar o formulário padrão preenchido para inscrever seus projetos no Prêmio. O prazo final para envio das propostas é 20 de julho.

Serão selecionados três projetos, sendo pelo menos um de autoria de um estudante da área tecnológica. Os autores dos trabalhos escolhidos irão realizar apresentação na 75ª Semana Oficial da Engenharia e da Agronomia (SOEA), nos dias 21 a 24 de agosto, em Maceió (AL), com as despesas de passagens, hospedagem e alimentação custeadas pela Mútua.

FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO PARA DOWNLOAD

A avaliação dos projetos será feita por uma banca especializada, com profissionais indicados pela Anprotec, Mútua e Confea. Entre os critérios a serem observados na escolha das propostas vencedoras está a identificação de características inovadoras, contribuição para o desenvolvimento do ecossistema local de inovação, interação com o meio em que está inserido o projeto, relação custo-benefício dos investimentos realizados, resultados gerados pela implementação do projeto, conteúdo tecnológico do produto ou processo e adequação aos requisitos ambientais, entre outros. O resultado será divulgado no dia 1º de agosto.


Fonte: Gecom/Mútua